DE BUFFY À TRUE BLOOD

Geralmente eles estão vestidos de preto, possuem olhar sombrio, são criaturas inteligentes e que gostam de vagar pela noite. São eles, os vampiros que sempre estiveram fazendo sucesso nos seriados em todo o mundo, sendo os vilões ou até mesmo os próprios heróis de uma história.

_____
Quem não se lembra de Buffy, a Caça-Vampiros ? A série foi criada por Joss Whedon e permaneceu nas telas de 1997 a 2003. Tudo começou, quando Buffy Anne Summers descobriu que não era uma menina comum. Ela era uma das escolhidas para lutar contra o mal, depois de ser treinada por seu Guardião, Giles, sua missão se tornou matar vampiros e demônios e curtir sua vida em Sunnydale, uma cidade que abriga a Boca do Inferno, de onde saiam os piores seres possíveis.
Nesta série, um outro personagem além da protagonista ganhou destaque, o nome dela era Angel, um vampiro que aparece do lado dos heróis. Ele participou das três primeiras temporadas de Buffy, a Caça-Vampiros até ganhar seu próprio seriado. Angel é um vampiro que conseguiu restaurar sua alma, ele namorava Buffy, mas como o relacionamento não deu certo foi para Los Angeles fazer sua própria caçada contra o mal. A produção teve cinco temporadas entre os anos de 1999 e 2004. Atualmente as séries inspiradas nas criaturas que adoram sangue continuam. No ano passado estreou True Blood, o enredo mostra um lado diferente. Os vampiros não vivem escondidos, nem esperam a noite para matar os seres humanos, pelo contrário, as criaturas lutam agora por direitos civis e o reconhecimento em sociedade, enfrentando medos e preconceitos. Eles alegam que podem viver com o homem normalmente porque pesquisadores japoneses desenvolveram um sangue em laboratório, com isso eles não precisam mais caçar. Agora neste mês de setembronos Estados Unidos vai estrear mais uma produção do gênero: The Vampire Diaries. A série é baseada nos livros de L.J. Smith e conta a história de uma jovem mortal que divide seu amor entre dois irmãos vampiros, um bom e o outro malvado.
Esta reportagem é de minha autoria, você também pode vê-la no site Click Cultural clicando aqui.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s