FIRME E FORTE

Um pequeno folheto com versos e rimas. Histórias contadas, recontadas ou inventadas, de caráter triste ou alegre. O homem que foi para lua, a vida cotidiana do nordestino. Pode ser algo ocorrido com o vizinho, ou até mesmo de uma pessoa desconhecida. Essas são as características da Literatura de Cordel.
________
Apesar da era da internet, esse tipo de arte continua firme e forte. “Até os anos 70 a literatura de cordel esteve ligada com a cantoria de viola, presente no palco com os repentistas. Nos anos 80 caiu em uma crise e renascendo no começo dos anos 90, porém não mais com a cantoria, e sim em outros lugares como escolas e faculdades”, diz César Obeid. Este profissional é educador e cordelista, conversou com este blogueiro para uma reportagem no ano de 2007 trazendo grande conhecimento.
________
Atualmente, ele está com outro livro na praça. Sua mais recente obra se chama Um Panorama da Literatura de Cordel e do Repente de Viola. A publicação apresenta poemas inspirados nas famosas pelejas entre cantadores e repentistas, são enriquecidos com ilustrações, incluindo a xilogravura, típica característica das capas dos folhetos tradicionais.

Obeid também falou que é normal encontrar em livros didáticos, algo como o cordel foi cordel era, verbos no passado indicando a morte desta manifestação cultural. Entretanto presenciou o contrário em feiras do livro de Olinda (PE), Fortaleza (CE), e São Paulo, onde encontrou em média 30 poetas em cada cidade. Por isso, La Poderosa afirma: Cordel está firme e forte. Para conhecer mais o trabalho de Obeid clique aqui. Além de ser um ótimo profissional, ele também é super gente fina.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s