NÓS QUE AQUI ESTAMOS POR VÓS ESPERAMOS

Adolf-Hitler-7

Esse título é meio estranho, se torna até meio assustador, dependendo do contexto que esta frase está inserida. Mas estas palavras dão nome a um filme de 73 minutos que é considerado um longa. Entretanto, muitos o classificam como um media metragem. Apesar do pouco tempo de duração, as cenas trazem um grande número de informações interessantes.
Nós Que Aqui Estamos Por Vós Esperamos faz uma releitura do livro Era dos Extremos, do historiador britânico Eric Hobsbawm. A produção retrata o período de contrastes do mundo que se envolveu em duas guerras mundiais, sofreu com a banalização da violência, passou por um grande desenvolvimento tecnológico e viveu as esperanças e as loucuras da humanidade.

naepve Mais de 90% das imagens são de arquivo: Filmes antigos, fotos e reportagens de TV. Não tem um locutor e nem depoimentos orais dos personagens envolvidos. O filme traz para as telas todas as coisas boas e ruins que ocorreram no século XX. Para quem gosta de história, essa trama é um prato cheio. Além das guerras mundiais, também são abordados A Crise de 1929, A Guerra Fria, movimentos nacionalistas, ditaduras.
Apesar de todas essas tragédias, um dos destaques é a cena de dança de Garrincha e do dançarino Fred Astaire. Mesmo um jogando futebol e outro dançando sem parar, o filme mostra que os dois tinham muitas similaridades em seus movimentos, chegando até ser idênticos em determinadas partes.

0,,12532656-EX,00

Celebrity-Image-Fred-Astaire-235110 Nós Que Aqui Estamos Por Vós Esperamos tem a direção de Marcelo Masagão, responsável também pela produção, pesquisa e edição. Toda a trilha sonora foi composta por Win Mestens, muitas vezes, o silêncio é usado como uma trilha perfeita para várias cenas. A produção foi premiada no Festival de Gramado em 1999 na categoria de Melhor Montagem e no Festival do Recife como Melhor Filme, Melhor Roteiro e Melhor Montagem.
A frase que dá nome ao documentário é de um letreiro disposto em um cemitério localizado na cidade de Paraibuna, no interior do Estado de São Paulo. O local serve de abertura e fechamento para o filme. Ou seja, é sinistro.

Nós Que Aqui Estamos Por Vós Esperamos na La Poderosa.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s