UM CORPO QUE CAI

vertigo-1Um filme de aparências, do verossímil e da verdade, do real e do imaginário, essasVertigo_Poster_rgb palavras resumem talvez o melhor filme de Hitchcock: Um Corpo que Cai. Logo no começo o espectador é jogado em uma espiral e o protagonista, mais uma vez interpretado pelo ícone James Stewart, se vê em uma posição delicada que se refletirá durante todo o longa.
O detetive John Ferguson, apelidado de Scottie, sofre de acrofobia (medo de altura) e decide se aposentar após esse problema complicar o seu trabalho na polícia. De forma repentina, seu colega Gavin Elster (Tom Helmore) pede que ele investigue as saídas misteriosas de sua esposa Madeleine Elster (Kim Novak).
De início Scottie recusa, todavia o personagem aceita o novo trabalho. Ele fica intrigado com essa mulher que gosta de vagar pela cidade de São Francisco sem destino. Vale destacar que mais uma vez Hitchcock usa uma loira, fato recorrentes em suas obras. Madeleine é suspeita de estar possuída por sua bisavó Carlotta Valdez, que se suicidou e deseja traçar o mesmo destino para sua bisneta.

Novak in blackA personagem não chama atenção apenas pelo seu lado misterioso, mas também por suaAnnex - Stewart, James (Vertigo)_01  beleza. Sem saber, Scottie vai se apaixonando aos poucos e quando a beija pela primeira vez, o ato é até saldado pelo som do mar do oceano. Em mais uma ação estranha e misteriosa, Madeleine coloca Ferguson frente a frente com seu maior inimigo: medo de altura. Ele se vê com a oportunidade de acabar com seu maior problema, uma segunda chance, porém a única coisa que aparece são os gritos de sua amada quando ela se joga em direção ao nada.

Os efeitos de câmera foram considerados inovadores para a época, o recurso causava uma sensação de vertigem na cena e aumentava ainda mais o problema do personagem de James Stewart. A trilha sonora de Bernard Herrmann contribuiu ainda mais para dar uma atmosfera hipnótica e misteriosa para a trama. As luzes também contribuíram para dar mais vida em momentos chaves da história.james-stewart-and-kim-novak-in-hitchcocks-vertigo1Kim Novak está tão perfeita que faz o espectador acreditar definitivamente que Madeleine Elster e Judy Barton são pessoas diferentes. O mistério é revelado primeiro para o público e leva Scottie a tentar recriar seu passado e não ser mais a pessoa que sempre está na hora e no momento errado. O final revela uma grande reviravolta.
Anúncios

Uma resposta em “UM CORPO QUE CAI

  1. Pingback: DUBLÊ DE CORPO | LA PODEROSA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s