OZU PARTE III

f7lKdZD

Yasujiro Ozu por Donald Richie

(…) “Assim, os filmes de Ozu constituem uma espécie de drama doméstico, um gênero que no Ocidente raramente atinge o patamar da arte e, mesmo hoje, é considerado de segunda categoria. Na Ásia, onde a família permanece a unidade social, o drama doméstico refinou-se muito além dos exemplos encontrados, digamos, na TV ou no rádio americanos. O drama doméstico de Ozu, entretanto, é de um tipo especial. Não afirma a família, como por exemplo Keisuke Kinoshita em seus últimos filmes, nem a condena, como Mikio Naruse em muitas de suas películas. Antes, embora crie um mundo em que a família aparece em um ou outro de seus vários aspectos, Ozu focaliza sua dissolução. Há poucas famílias felizes nos filmes de Ozu. Embora os primeiros deles mostrem dificuldades superadas, em quase todos da fase madura membros da família estão se separando. Os personagens de Ozu, em sua maioria, estão nitidamente satisfeitos com suas vidas, mas sempre há indicações de que a família logo deixará de ser o que foi até então. A filha se casa e deixa o pai ou a mãe sozinhos; os pais vão viver com um dos filhos; a mãe ou o pai morre, etc.

A dissolução da família constitui uma catástrofe porque no Japão – em contraste com os Estados Unidos, onde deixar a família é considerado prova de maturidade – o conceito de si mesmo depende em grande parte das pessoas com quem o indivíduo vive estuda ou trabalha. Uma identificação com a família (ou o clã, a nação, a escola, a empresa) é necessária para uma completa identificação de si mesmo. No próprio Ocidente, os resquícios de tal necessidade ainda são suficientemente fortes para nos permitir encarar com simpatia os problemas dos personagens de Ozu e a difícil situação dos japoneses contemporâneos. O pai ou a mãe, sentados sozinhos no lar agora vazio, é uma imagem tão comum nas películas de Ozu que serve como padrão. Essas pessoas mudaram”. (…)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s