RESNAIS NA CINEMATECA

Alain-Resnais

De 25 de abril a 03 de maio, a Cinemateca Brasileira reapresenta quatro filmes do cineasta francês Alain Resnais, que faleceu em março deste ano. Um grande inventor, Resnais deixou uma obra vasta e de fundamental importância para a formação do cinema moderno.

Nascido em 3 de junho de 1933 na cidade francesa de Vannes, ele fez seu primeiro filme, um curta, com 13 anos, quando comprou sua primeira câmera.Nos anos 1960, participou do movimento de renovação do cinema francês, a Nouvelle Vague, ao lado de diretores como Jean-Luc Godard, Jacques Rivette e Francois Truffaut.

1510628_604726226271880_5084729019951901307_n

Seu primeiro longa de ficção, Hiroshima meu amor, de 1959, foi baseado em um texto da escritora francesa Marguerite Duras e faz uma reflexão poética sobre a bomba atômica. Seu filme gerou desconforto nos EUA e chegou a ser retirado da competição oficial do Festival de Cannes na época. A retrospectiva na Cinemateca é gratuita e é ficada nos últimos filmes do diretor. 

on-connait-la-chanson-AfficheAMORES PARISIENSES

Vários personagens e seus problemas cotidianos têm seus destinos cruzados pelas ruas de Paris. A executiva Odile (Sabine Azéma) despede um funcionário que acabara de contratar para dar uma oportunidade para o irmão de Nicolas (Jean-Pierre Bacri), seu ex-namorado. Já Nicolas é hipocondríaco e não consegue se decidir qual apartamento deve alugar, por mais que o corretor de imóveis Simon (André Dussollier) lhe apresente opções interessantes. Enquanto isso, Camille (Agnès Jaoui), irmã de Odile, descobre que passou vários anos de sua vida pesquisando sobre um assunto que não interessa a ninguém. Ao mesmo tempo, se apaixona por Marc (Lambert Wilson), o patrão de Simon. Por meio de mal-entendidos e quiproquó, Alain Resnais cria situações ora cômicas, ora dramáticas.

18686674MEDOS PRIVADOS EM LUGARES PÚBLICOS

Mais uma vez vários personagens, apresentados de forma individual, mas cada um deles mantendo uma interconexão com os demais, interagem e têm suas vidas entrelaçadas e seus compromissos misturados. Os desejos secretos de cada um são expressos em situações inesperadas e inusitadas, numa história enganosamente simples e sorrateiramente construída. A locação principal é Bercy, uma área de Paris que foi grandemente renovada e modernizada. Baseado no livro “Private Fears in Public Places”, de Alan Ayckbourn. Affiches SmokingSMOKING / NO SMOKING

Oito histórias separadas, que tratam da vida de três mulheres, todas interpretadas por uma só atriz, e três homens (também interpretados pelo mesmo ator), a partir das possíveis escolhas determinantes que cada um pode fazer na vida, capazes de mudar inteiramente seus destinos.

Sexta, 25 de abril
SALA PETROBRAS
18h00 AMORES PARISIENSES

Sábado, 26 de abril
SALA PETROBRAS
18h00 MEDOS PRIVADOS EM LUGARES PÚBLICOS

Domingo, 27 de abril
SALA PETROBRAS
16h00 SMOKING
18h00 NO SMOKING

Quinta, 01 de maio
SALA BNDES
17h00 AMORES PARISIENSES
19h00 MEDOS PRIVADOS EM LUGARES PÚBLICOS

Sexta, 02 de maio
SALA BNDES
17h00 SMOKING

Sábado, 03 de maio
SALA BNDES
16h00 NO SMOKING

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s