SAMURAIS & SAMURAIS

The-Sword-of-Doom

Esse gênero rico do cinema japonês mais uma vez no La Poderosa, Kihachi Okamoto, Kenji Misumi, Hideo Gosha, Raizo Ichikawa, Tatsuya Nakadai e Toshiro Mifune, só ícones em seis grandes filmes do estilo:

sod4

A Espada da Maldição (1963)

De Kihachi Okamoto. Com Tatsuya Nakadai e Toshiro Mifune.

Tatsuya Nakadai é Ryunosuke, um samurai que é a verdadeira encarnação do mal, um demônio com a espada na mão. Mata qualquer um, não deixa de lado nem idosos, nem mulheres. É guiado somente por seu espírito sanguinário como a bela sequência na armadilha na floresta.

Uma das cenas de destaque também fica por conta da ação de Toranosuke Shimada (Toshiro Mifune), que é observada de perto pelo protagonista. Dois emblemáticos ícones do cinema japonês, um duelo de olhares. A cena final revela um homem perseguido por todos os demônios que guardou dentro de si, uma mente vencida pela loucura.

raizo-kenki-posterA Lâmina Diabólica (1963)

De Kenji Misumi. Com Raizo Ichikawa e Michiko Sugata.

Com um passado misterioso, o jardineiro Hanpei se transforma em um assassino frio para proteger seu soberano de uma conspiração. Raizo Ichikawa interpreta um dos grandes samurais trágicos do cinema. Um homem que se dá bem no meio do colorido das flores e no vermelho do sangue de suas vítimas. A cena cabal já evidencia essa dualidade, uma batalha em meio ao campo.

Annex - Mifune, Toshiro (Samurai Assassin)_NRFPT_01Samurai Assassino (1965)

De Kihachi Okamoto. Com Toshiro Mifune e Hakuo Matsumoto.

A trama se passa nos últimos dias do xogunato Tokugawa, onde um grupo traça um plano para matar o premier li Naosuke, favorável à abertura do Japão aos estrangeiros. O longa se organiza de uma maneira mais geral e vai construindo a jornada do ronin ambicioso Tsuruchiyo Niiro (Toshiro Mifune) aos poucos.

O longa parecia com um dilema meio distante, entretanto com o passar do tempo, a história se amarra de um jeito impressionante até a batalha épica no final do filme em meio à neve. A ambição consegue deixar todos cegos até um veredito doentio e sanguinário.

aa8yhrhxghd8ucgs4fxsmenmp8rA Espada do Mal (1965)

De Hideo Gosha. Com Mikijiro Hira e Takeshi Kato.

Querendo melhorar de vida, um samurai segue as ordens de um superior e mata um oficial de seu clã. Porém, mais tarde, descobre que foi traído e se torna um ronin amargurado, juntando-se a um bando de criminosos. É um filme que retrata a condição desumana vivida pelo samurai, onde ele sempre será o elo mais fraco da relação envolvendo o clã e o xogunato. A mesma coisa acontece em:

Tiranía-1Tirania (1969)

De Hideo Gosha. Com Tatsuya Nakadai, Kinnosuke Nakamura e Tetsuro Tamba.

Magobei Wakizaka (Tatsuya Nakadai) é um ronin traumatizado por um massacre cometido por seu clã, um samurai fica muitos anos no exílio. Ao descobrir que uma nova carnificina se aproxima, ele decide agir.

Esse chambara invernal é mais voltado para o lado épico, mais uma vez colocando em foco o lado crepuscular dos samurais, onde Rokugo Tatewaki (Tetsurô Tanba) é o vilão que decide viver no mundo das aparências, pois o objetivo é permanecer com as boas relações com o xogunato. A cena final entre Magobei e Tatewaki é um dos maiores duelos feitos pelo cinema, onde a única testemunha é a neve.

KIRU-POSTCARD-3_450O Filho do Destino (1962)

De Kenji Misumi. Com Raizo Ichikawa e Shigeru Amachi.

Takakura Shingo (Raizo Ichikawa) é mais um dos samurais psicologicamente trágicos da lente de Misumi, por onde quer que passem, sempre trarão contigo a calamidade que parece estar alojada em sua alma. Um ronin que busca a vingança e desenvolve um sentimento de paternidade por seu novo mestre. Na cena final, somos jogados em um labirinto, assim como o protagonista, onde não existe mais saída.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s