CHISHÛ RYÛ E OZU

tumblr_m3tiiwWvRZ1qmemvwo1_1280

MV5BOTgwMjA4NDc0Ml5BMl5BanBnXkFtZTcwMzY2NzIwNw@@._V1__SX1303_SY615_Além de Setsuko Hara, quando estamos diante dos filmes de Yasujiro Ozu é praticamente certeza a presença de Chishû Ryû. O ator simplesmente esteve em 52 dos 54 filmes do mestre japonês.

Interpretou irmão mais velho, mas ficou marcado por representar a figura do Pai. Um símbolo de isolamento após a dissolução do núcleo familiar com a partida de filhos e filhas. Uma interpretação ambígua entre o conforto de ver o destino se cumprir e a melancolia da solidão.

Bakush01

Continuar lendo

SETSUKO HARA E OZU

600full-late-spring-screenshot

Setsuko Hara é o arquétipo feminino de Yasujiro Ozu. Nascida em 1920, a atriz foi introduzida nos estúdios de cinema Nikkatsu por seu cunhado, o diretor Hisatora Kumagai, em 1935. Ela só se tornou popular depois de ter sido escolhido por Arnold Fanck para estrelar a coprodução entra Japão/Alemanha The New Earth (1937).

Trabalhou com grandes diretores japoneses como Mikio Naruse, Akira Kurosawa, Hiroshi Inagaki, . Porém, foi com o mestre Yasujiro Ozu que sua carreira ficou marcada.

Setsuko-Hara-Yasujiro-Ozu-01

Continuar lendo